domingo, 19 de abril de 2020

COVID-19 O DIVISOR DE ÁGUAS DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2020, UM NOVO NOME APARECE NO CENÁRIO

Médica que defendeu fim de isolamento morre de covid-19 no Ceará ...

(*) Erick Luiz
19 abr 2020

Os comerciantes de Montes Claros fazem críticas ao método político do Gestor Municipal em fechar às portas nesta quarentena. A sexta maior cidade do Estado de Minas Gerais à beira da sepultura, a qual passará por uma crise imensurável.

O palanque político do COVID-19 será fatal na urna eletrônica, uma cidade ao norte do sertão, que sofre e muito com à falta de investimento em saúde, educação e saneamento básico, cuja atola por políticas bizarras.

Em rota de colisão à velha e a nova política, embora a volúpia dos velhos coronéis se esbarram nas redes sociais, ou seja, a “plim...plim” perdeu força para os grupos de “Whatsapp” e o “Facebook”  que transformou numa balança de peso referente as opiniões.

De um lado o velho e de outro o novo, nessa batalha surge um líder defensor da saúde humana que cresce a cada dia na boca do povo. O médico Dr. Emerson Guimarães desponta com seu discurso sereno e atraí forças de disputar uma cadeira no executivo municipal como pré-candidato a prefeito.

Portanto, o Ruy Muniz ainda grita ser o campeão, mas Humberto preocupou com infraestrutura, porém o sistema de água e saneamento estupra o cidadão com o alto valor da tarifa. Enquanto, os velhos da política gladiam entre si, o novo desponta por toda Montes Claros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste site correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor gestor.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.