domingo, 17 de novembro de 2019

FAMIGERADO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E TRATAMENTO DE ESGOTO SERÁ O DIVISOR DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2020, EM MONTES CLAROS

Resultado de imagem para CRISE HIDRICA MONTES CLAROS
Foto: Barragem de Juramento


by Magno Willian
17 NOV 2019

Neste domingo (17), a cidade Montes Claros MG, Norte de Minas, recepcionou uma 'chuva' ao entardecer. No dilema da crise hídrica, que ainda preocupa os montes-clarenses está alarmante na 'boca do povo'. Apesar de todas as dificuldades enfrentadas, o sistema de captação de água de chuva em Montes Claros seria uma ferramenta de se combater a falta d’água no município.

Os meios políticos não se discute um projeto de lei que torna obrigatório a concessionária de abastecimento de água incluir o reaproveitamento da água da chuva para fins não potáveis já em seus contratos. Ou seja, um contrato sem transparência com o município e o cidadão pagando uma alta tarifa pelos serviços.

Nesse circuito político, às nova ideias surgem com força, isto é, a água é o caminho para o crescimento afirmou Dr. Emerson ao jornalismo MW-NOTÍCIAS. O médico oftalmologista Dr. Emerson Guimarães, um visionário que aborda em seu discurso o prisma do valor da água, a qual tem provocado pautas e solicitado audiências públicas com correligionários do partido AVANTE, para sanar essa agonia, além de cidadão ele sabe a gravidade que é a crise hídrica provoca.

O Dr. Emerson Guimarães segue a corrida como pré-candidato a prefeito de Montes Claros, e na sua linha de raciocínio comunga a construção da barragem de Jequitaí, assim, nessa vertente de rápida resposta teria um papel fundamental nas ações de amenização dos efeitos da seca e de melhoria da qualidade de vida da população do Norte de Minas.

Portanto, o Dr. Emerson deixou claro que a conscientização da água pluvial (da chuva) pode ser aproveitada para fins não potáveis, como limpeza de áreas comuns, irrigação de jardins, descargas de vasos sanitários, lavagem de carros, sistemas decorativos aquáticos, tais como fontes, chafarizes, espelhos e quedas d'água, reserva de proteção contra incêndios, entre outros. Para isso acontecer, o povo precisa de políticas responsáveis para atender o cidadão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste site correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor gestor.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.