terça-feira, 1 de janeiro de 2019

SISTEMA PRISIONAL É REPRESENTADO POR AGENTE PENITENCIÁRIO DE CARREIRA NA PRIMEIRA REUNIÃO COM O SECRETÁRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA GENERAL MÁRIO ARAÚJO – APÓS A POSSE DO GOVERNADOR ZEMA


Reunião Integrada abre os trabalhos da nova gestão da Segurança Pública em Minas

01 JAN 2018

4


Encontro aconteceu nesta terça-feira, logo após a posse do novo Governador e tratou de temas como integração, inteligência e ações voltadas para resultados
O primeiro dia do ano foi de trabalho e de alinhamento institucional para a cúpula da Segurança Pública do Estado. Durante toda a tarde desta terça-feira, 1º de janeiro, logo após as cerimônias de posse e de abertura da nova gestão do governador Romeu Zema, o Secretário de Estado de Segurança Pública, General Mário Araújo, realizou a 1ª Reunião da Gestão Integrada de Segurança Pública de Minas Gerais.

O encontro contou com a presença do Comandante Geral da Polícia Militar, Cel. Giovane Gomes da Silva; do Chefe da Polícia Civil, Delegado-Geral Wagner Pinto; do Comandante Geral do Corpo de Bombeiros, Cel. Edgard Estevo; do Chefe do Gabinete Militar do Governador, Cel. Evandro Geraldo Ferreira Borges, entre outros representantes das instituições, inteligências e sistema prisional. Os trabalhos aconteceram na Cidade Administrativa, no prédio onde funciona o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

Com destaque na pauta, a importância do desenvolvimento de ações de segurança integradas e voltadas para resultados. “Não há outro caminho para trabalharmos pela segurança do cidadão de Minas Gerais que não passe pela integração”, destacou o secretário. Também foram tratados temas como a ativação de uma Rede de Segurança Pública, para ampliar a capacidade de respostas rápidas da gestão, importância dos trabalhos de inteligência, priorização da valorização das atividades finalísticas das polícias, entre outros assuntos.

 10
Na reunião, o secretário ressaltou ainda a necessidade de manutenção dos índices de segurança pública do Estado, que estão em queda, da estabilidade prisional, e fez questão de destacar a responsabilidade de todos os presentes na diminuição da criminalidade e no aumento da sensação de segurança dos mineiros. “Todos os que estão aqui estão por mérito, liderança juntos aos seus pares e tropa e pela conduta profissional e pessoal ilibada. Temos muito trabalho a ser feito."

Visita à sede de monitoramento
Também nesta terça-feira, o grupo visitou a sede do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). O local serve como base de apoio para respostas rápidas e inteligentes a eventos de segurança do Estado e conta com o trabalho 24 horas de cerca de 40 instituições de segurança como PM, PC, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Defesa Civil, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Sistema Socioeducativo, Sistema Prisional, Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER), Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), entre outras.

Do CICC também é possível monitorar cerca de 1.300 câmeras instaladas na capital e em cidades da Região Metropolitana, em tempo real.


Quem é o Rodrigo Machado De Andrade (Agente Prisional da Foto)?

O Agente de Segurança Penitenciário do Quadro de Carreira Rodrigo Machado (Diretor Prisional do Presídio Antônio Dutra Ladeira), é uma figura expoente de quesito “linha-dura” no combate ao crime organizado, experiente em liderar equipes, competente nos inúmeros desafios idealizados dentro da Secretaria de Administração Prisional de Minas Gerais.

O senhor Rodrigo Machado é um profundo conhecedor do Sistema Prisional Mineiro, pois é notável nas suas atitudes, o qual mantém o bom trato do mais simples servidor até a maior autoridade e entidades de classe. O fato de ser linha-dura é por ser destemido ao intensificar a repressão e à oposição de facções criminosas dentro do sistema prisional, o aguerrido Rodrigo Machado sempre bate de frente com a subversão, no decorrer dos anos os noticiários sempre elencou os notórios trabalhos desse Diretor diante a custódia de sentenciados.

Com todo esse cenário o Gestor Prisional Rodrigo Machado demostra-se um diferencial técnico que se destaca ao reconhecimento da sociedade mineira, colegas de trabalho e diante de toda à instituição, assim, os Agentes conhecem a dinâmica de trabalho do senhor Rodrigo, além de fomentar dele ser audaz, humilde e compromissado em defesa da valorização do Agente de Segurança Penitenciário.




Nenhum comentário:

Postar um comentário


Os comentários postados pelos leitores deste site correspondem a opinião e são responsabilidade dos respectivos comentaristas leitores e não correspondem, necessariamente, a opinião do autor gestor.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.